03 de outubro de 2018

03 de outubro de 2018. 04 dias para as (históricas) eleições para presidente do Brasil. Aliás, todas as eleições são históricas neste país, cujo processo de redemocratização é uma verdadeira novela sem fim e os enredos se repetem ou tomam rumos totalmente inesperados. Novelas: um gênero televisivo/literário que o brasileiro aprecia muito. Peço desculpas ao tom ácido em que começo esta postagem e que será a primeira deste humilde blog. Apresento-me para não ser indelicada: meu nome é Catarina Campos, brasileira de Salvador, atualmente vivendo na Espanha. Professora de português e literatura por formação, (pseudo) artista por acidente, estudante no Programa de Estudos Migratórios da Universidad de Jaén na Espanha e que almeja se inserir mais e mais no mundo […]

Mulher, defensora da natureza!

Eliane Potiguara

Sempre que alguém me pergunta quem eu sou, existe quase que uma obrigatoriedade de você ter que responder a cerca de seus títulos, seu estado civil, idade, o que você faz, o que fez, o que pretende fazer, onde nasceu, quem são seus parentes? Eu hoje tive vontade de falar de outra coisa. Eu sempre tive que transpor obstáculos para sobreviver. Toda minha família indígena, extremamente empobrecida, imigrou das terras indígenas paraibanas para Pernambuco por ação na neo-colonização do algodão por volta de 1922. Em pouco tempo, imigrou num navio sub-humano para o Rio de Janeiro. Nasci ali em 1950, num gueto formado por indígenas e judeus imigrantes da 2ª guerra Mundial que se tornaram bananeiros, carvoeiros. Minha família morou […]

Apresentação

Providências da crítica desde a periferia.

Salvo engano, a crítica literária é um espaço fronteiriço capaz de reunir diversas áreas do conhecimento. Hoje fortemente atrelada à instância universitária, devido sobretudo à diminuição do espaço público antes aberto à figura do estudioso das letras, tem sido cada vez mais relegada à categoria de “atividade complementar”. Mas na América Latina nem sempre foi assim: da forte participação ativa na imprensa no século XIX; passando pela atuação decisiva na cena intelectual do início do século XX; chegando à institucionalização do campo no pós anos 1950, quase sempre a figura do crítico literário foi decisiva na conformação da ideia de cultura. A ideia deste espaço, contudo, é resgatar a dimensão crítica dos estudos literários. Nosso foco recairá, do ponto de […]

Más allá de las palabras

Los libros son pequeños universos en donde a veces nos perdemos.

Algunos de los recuerdos más poderosos de mi infancia tienen que ver con libros. Nací en una casa en donde abundaban y de padres cuyas preocupaciones, muy alejadas del contenido de las lecturas de sus hijas, nos daban total libertad; por eso, quizá, pude encontrarme con autores como Dostoievski a una edad ridículamente corta. Por eso también me adentré en un mundo fantástico en donde –aun sin comprenderlo- tuve contacto íntimo con las infinitas rutas del lenguaje, una aventura capaz de marcar mi vida para siempre. Los libros me han acompañado desde entonces y tengo algunos tan antiguos como para deshacerse entre mis manos; pero son tesoros capaces de cambiar no solo un estado de ánimo, sino también una perspectiva […]

Ultrapassando limites, desfazendo fronteiras: a literatura marginal brasileira e suas práticas na contemporaneidade

O objetivo deste artigo é analisar a chamada literatura marginal, observando aspectos de suas gênese e formação, bem como elementos que a tornam componente de um movimento cultural de afirmação identitária e resistência política, localizado sobretudo nas periferias dos grandes centros urbanos.

Callejero

A veces un árbol con su sombra es mejor amigo que los humanos. A veces un charco de agua sucia refresca más que mil galones de agua dada por los hombres.

De a poco me fui consumiendo entre las sales y las arenas de los días con sus noches. Era la primavera de mi existencia cuando abrí los ojos. La luz para mí era algo desconocido y por ello me hizo daño. De ahí en adelante, ya nunca más pude ver con claridad y eso desde siempre me llenó de tristeza. Pero a pesar de todo, los dioses no fueron inclementes conmigo. Estando todavía húmedo por mi nacimiento, me vi rodeado de varios amigos que me inundaron con sus sonrisas y con sus alegrías. A ninguno de ellos los conocía, pero por algún motivo su presencia hacía que mi corazón latiera con intensidad. Es triste acordarme de aquella sensación porque aunque […]