Jorge Luis Borges, um ultraísta

Em 2016 completam-se trinta anos da morte de Jorge Luis Borges (1899-1986), escritor argentino do século XX que integra a literatura universal. Muitas vezes lembrado por sua cegueira, um fato interessante em sua trajetória é o vínculo que Borges estabeleceu com Buenos Aires, sua cidade natal, lugar indissociável de sua criação literária. Nascido em 1899, Borges, já na infância, teve formação cosmopolita. Desde cedo, em sua casa e pela família, foi incentivado a desenvolver habilidades e qualidades literárias e intelectuais (cf. MICELI, 2012, p. 44-85). O contato com os livros da biblioteca de seu pai (1874-1938), Jorge Guilhermo Borges, e com a tradição argentina, através da história familiar de sua mãe, Leonor Acevedo Suárez (1876-1975), além de fazer parte do …

Dando corpo a uma história, a princípio, sem lugar

Comecemos este ensaio com quatro versos de um poema inacabado, dedicado ao Novo Mundo: Divina Poesía […] tiempo es que dejes ya la culta Europa y dirijas el vuelo adonde te abre el mundo de Colón su gran escena. (BELLO, 1979, p. 20) “Alocución a la poesía” é um fragmento do poema América, escrito por Andrés Bello (1781-1865). No conjunto, o poema expressa a abertura para um horizonte no qual o Novo Mundo começou a se descolar da Europa: a América, dada sua idade e circunstância, seria o lugar ideal para a construção de uma nova experiência que não florescera no Velho Mundo. Essa oposição entre dois mundos remonta ao período do Renascimento e é anterior às Navegações. Aliás, deu-se …

Leer con todos los sentidos

Leer con todos los sentidos, es un método para la adquisición de la lectura y la escritura a través de la exploración sensible de los conceptos y el trabajo con el dibujo como vía para entrar al significado de los textos, contextualizarlo y resemantizarlo a partir de la propia vivencia. La idea central desde la cual he partido, es que el arte como vía para el aprendizaje puede contribuir enormemente a la construcción psíquica del sentimiento, y con ello a mejorar el auto concepto; al mismo tiempo, puede ser un puente entre la sensibilidad y el análisis, al ampliar la noción del lenguaje y provocar una reflexión en torno a la cultura vivida. Hay que recordar que las personas aprenden …

A Biblioteca de Jorge Luis Borges

Para Reinaldo Santos Neves A epígrafe do conto “A Biblioteca de Babel” (1941), de Jorge Luis Borges (1899-1986), é do livro A anatomia da melancolia (1621 é a data da primeira edição) de Robert Burton. Nela, está escrito: “Através desta arte você pode contemplar a variação das vinte e três letras…”. Abertura do conto, a frase de Burton relaciona-se ao segundo axioma da Biblioteca: a variação de 25 símbolos ortográficos (o ponto, a vírgula, o espaço e as vinte e duas letras) seria suficiente para enumerar o desconhecido. A Biblioteca se divide da seguinte forma: “O universo (que outros chamam a Biblioteca) compõe-se de um número indefinido, e talvez infinito, de galerias hexagonais, com vastos poços de ventilação no centro, …

La Tejedora de Coronas

Espinosa, G 1982, La Tejedora de Coronas, Editorial Pluma, Bogotá. En un principio, la estructura de la novela la Tejedora de Coronas es compleja, fue publicada en el año 1982, una época en donde los círculos literarios la definieron en su mayoría como una novela histórica, crítica, arqueológica de los saberes prácticos y formas de vida halladas en la historia colonial de nuestra nación. Alfonso López Michelsen(Deas, 2006) pronunciaba “El diseño de la novela es tan ambicioso y la imaginación tan rica que, simultáneamente con el discurso filosófico y la teoría matemática, la vida llena de riesgos del Mare Nostrum Español, el mar de las Antillas, durante la Colonia, abre el campo para las escenas inenarrables en las que es …

caveiras literárias do dia dos mortos

o dia dos mortos no méxico é uma celebração de origem indígena, que honra os defuntos no dia 2 de novembro. a festa é presidida pela deusa mictecacíhuatl, conhecida como a dama da morte, atualmente relacionada à la catrina, personagem de josé guadalupe posada e esposa de mictlantecuhtli, senhor do reino dos mortos. a festividade é dedicada às crianças e aos parentes falecidos. segundo a crença popular, nos dias 1 e 2, os mortos têm permissão divina para visitar parentes e amigos, e eles os esperam com comida, bolos, festa, música e flores. compartilhamos aqui algumas caveiras literárias que são versos bem humorados nos quais a morte  interage com personagens da vida real. tradiciones de mi pueblo no hay plazo que no …