Brasil: um povo à deriva

O caos no Ministério da Saúde levou os governadores e prefeitos a agirem por conta própria. Cada estado e cada cidade foi definindo sua estratégia.

um povo à deriva

Entrando no quarto mês de enfrentamento da pandemia do novo coronavírus no Brasil, a situação é dramática. O governo federal, desde os primeiro dias, desinformou e confundiu a população, fazendo as pessoas acreditarem que tudo não passava de uma “gripezinha” e, mesmo trazendo o vírus dos Estados Unidos, quando toda a comitiva presidencial se infectou, Jair Bolsonaro insistia em sair pelas ruas da capital, apertar mãos, abraçar, enfiar os dedos no nariz, e dizer que tudo estava bem. Com uma base sólida de pelos menos 30% da população que lhe apoia incondicionalmente, o resultado não poderia ser outro: as pessoas não acreditaram nas previsões dos infectologistas e não atenderam ao chamado para o isolamento social. Não bastasse isso, o governo […]

A Bolívia segue sob golpe

Um dos primeiros atos da presidenta golpista foi liberar as exportações, afagando assim o apetite do agronegócio.

Bolívia segue sob golpe

A presidenta ilegítima da Bolívia, Jeanine Añez, que governa desde o golpe de 10 de novembro de 2019, quando um mix de grupos militares, mercenários, fanáticos religiosos e ultradireita com a providencial ajuda dos Estados Unidos provocaram a renúncia de Evo Morales, dias depois da eleição que o elevou novamente a condição de presidente, decidiu finalmente chamar as eleições gerais. Depois de muita pressão, ela promulgou, na noite do dia 21 de junho, a lei que convoca as eleições gerais para seis de setembro. Não sem antes declarar que são os candidatos da oposição os responsáveis por qualquer coisa que venha a acontecer com a população visto que o país ainda não chegou ao pico da infecção pelo coronavírus e […]

Manifestações do povo negros nos Eua e no Brasil

O racismo estrutura a sociedade capitalista: nos países do centro do sistema por terem sido os traficantes de gente, e nos países de periferia por terem sido os espaços onde os povos originários foram violados e os negros sequestrados da África amargaram a dor de ser escravizado.

Manifestações do povo negros nos Eua e no Brasil

O assassinato de George Floyd gerou uma onda de protestos no mundo todo na discussão do racismo e da violência policial contra os negros. Nos Estados Unidos, obviamente, as manifestações foram maiores. A comunidade negra, já calejada nesse sofrimento, explodiu em mais uma onda de protestos que iniciou violenta como reação imediata ao assassinato e, na medida em que foi sendo encampada por outros grupos sociais, passou a marchas pacíficas, inclusive com o apoio das autoridades. As manifestações do povo negro não são novidade nos Estados Unidos. No chamado “mundo livre” essas comunidades estão excluídas de direitos reais desde sempre, como acontece em quase toda a América. Nem a independência, nem a tão incensada Constituição foram capazes de apagar a […]

O Brasil: 30 mil mortos e tudo está bem

Uma gente que perderá a vida simplesmente porque o governo do seu país não está preocupado com a sua existência.

número de mortos no Brasil

O número de mortos no Brasil por conta da Covid-19 passou dos 30 mil, com mais meio milhão de infectados. Mas, na televisão e nos jornais esses números aparecem como uma mensagem qualquer enquanto as famílias almoçam ou jantam. Ao que parece essa é uma realidade normalizada, bem diferente da do começo da pandemia quando as pessoas se mortificavam com o número de mortos na Itália, por exemplo. Algumas inclusive se recusam a acreditar que as informações, imagens e falas que passam na televisão são verdadeiras. “É tudo invenção da Globo. Eu mesma fui no hospital aqui e tá tudo vazio”, afirma uma parenta, bolsonarista raiz. “Na Record não passa isso”. Ela mesma não usa máscara, a não ser quando […]

Projeto de Lei pretende legalizar crime de grilagem de terra

Estaremos vivendo uma nova edição da Lei de Terras, criada em 1850 também com o objetivo de “legalizar” a posse privada da terra para aqueles que invadiram, devastaram e mataram as comunidades indígenas que viviam no território brasileiro.

Projeto de Lei pretende legalizar crime de grilagem de terra

O Congresso chegou a discutir a Medida Provisória do governo Federal que dispõe sobre a regularização de terras públicas conseguidas via grilagem e invasão. Como não houve tempo para votar, a saída encontrada foi transformar a MP em Projeto de Lei. Agora, a matéria poderá tramitar com um pouco mais de debate. A MP que virou projeto é, na verdade, o pagamento do agora presidente ao seu grupo apoiador, o dos ruralistas, useiros e vezeiros de invasões de terra que jamais foram contestadas, principalmente nos territórios indígenas e de ocupação tradicional como dos ribeirinhos e quilombolas. De certa forma, a votação do Congresso apenas vai dar legalidade ao que já vem acontecendo desde o início deste nefasto governo, quando os […]

O tráfico, a dor e o mocotó

Ontem, no Mocotó, as famílias se manifestaram tacando fogo na rua. Sabem que não há caminho negociado. Não são ouvidas.

Mocotó

O Mocotó é uma das primeiras comunidades de periferia de Florianópolis, ela nasceu quando os negros e pobres foram tirados do centro numa operação de “limpeza” da cidade que começava a crescer. Sem ter como bancar aluguéis ou cumprir a lei sanitária que obrigava a ter banheiro em casa, as famílias buscavam, na ocupação dos morros, o espaço para viver. Lá, já vivam outras famílias, de fugitivos da escravidão ou ex-escravos, que igualmente não encontraram lugar no centro, onde começavam a se erguer os sobrados da gente rica. O pé do morro onde fica o Hospital de Caridade, lá pelo meio do 1800 era chamado de Toca, e ali ia crescendo a comunidade. Com o passar do tempo outros espaços […]