Call for Papers Iberoamérica social: Revista-rede de estudos sociais Ano 6 Núm. X

inglesSpain

Estado e movimentos sociais: Crise e resistências na Iberoamérica cinco anos depois

Call-for-papers-por

A publicação do décimo número da Revista Iberoamérica Social coincide com o completar dos primeiros cinco anos de existência da revista e do projeto. Aos finais daquele ano de 2013 nós publicamos nosso primeiro número intitulado “Estado e movimentos sociais: da crise europeia ao arranque latinoamericano“. No qual se expôs a partir de diversas percepções a situação geopolítica, cultural e econômica da região iberoamericana partindo de uma perspectiva comparada.

Neste número, intitulado Estado e movimentos sociais: Crise e resistências na Iberoamérica cinco anos depois, nós queremos aproveitar a efeméride para incentivar uma reflexão parecida, com os cinco anos passados desde aquela época, e dando visibilidade as mudanças que tem surgido na região durante este tempo.

A partir de uma perspectiva multidisciplinar, seria interessante abordar o retrocesso das esquerdas na América Latina e seu auge nos países ibéricos; o fortalecimento das direitas e o impulso a posições conservadoras e aos movimentos reacionários. Também gostaríamos de propor análises sobre a crise econômica latinoamericana, as relações com os Estados Unidos de Trump, a descomposição europeia com respeito ao eurocentrismo colonial e a reafirmação do pensamento latinoamericano. Como se pode ver, partindo da base daquele primeiro número e projetando o tempo presente, oferecendo uma ampla gama de ricas possibilidades.

Iberoamerica Social: Revista-rede foi fundada com o objectivo de promover a cooperação para a criação e disseminação de conhecimento entre os países da região ibero-americana, aproveitando a tecnologia que a plataforma digital pode oferecer. É uma publicação semestral de carácter acadêmico e multidisciplinar que excede limites dos estudos sociais em busca de uma ciência social, humana, respeitosa e responsável.

Tem prioridade as temáticas atuais que envolvem, afetam e interessam a sociedade ibero-americana, como a democracia, os direitos humanos, o género, o meio ambiente e o desenvolvimento sustentável e inclusivo de nossos povos. Portanto, além dos artigos do dossiê principal temático, nós temos um espaço aberto e dedicado para artigos de temática livre.

Os trabalhos podem ser enviados até 8 de abril de 2018 através da plataforma Open Journal System de Iberoamérica Social. A sua classificação será a seguinte:

Artigos acadêmicos: Seis a dez artigos originais de pesquisa, reflexão ou revisão para o dossiê e uma seção com até seis artigos em temática livre. A extensão máxima é de 10.000 palavras. O sistema de avaliação da revista para todos estes materiais é o denominado como “avaliação por pares do tipo double blind”.

Miscelanea: Seis a oito espaços na seção de miscelânea para resenhas de livros, relatos de experiências de pesquisa, cartas de opinião, ilustrações, fotografias e outras expressões artísticas ou culturais relacionadas com o tema principal do número. Sua publicação está sujeita ao parecer de especialistas em cada campo.

Serão considerados para esta chamada textos escritos em espanhol, português ou inglês.

Iberoamerica Social promove a reflexão inclusiva e produção intelectual. Portanto, nós encorajamos jovens investigadoras e jovens investigadores para participar conosco.

Conhece nossas normas de publicação aqui

O Conselho Editorial

 Traduzido por Priscila Oliveira Silva